fbpx

Sarampo

ilustração-de-garoto-com-sarampo

O Sarampo é provocado pelo vírus Morbilivírus, sendo uma doença infectocontagiosa, ou seja, uma doença provocada por micróbios que pode ser transmitida rapidamente para outra pessoa através do contato direto, indireto ou por vector (todo ser vivo capaz de transmitir um agente infectante, de forma ativa ou passiva). Agente Infectante é qualquer parasita, protozoário, bactéria ou vírus capaz de infectar um organismo.

O tempo em que o vírus fica incubado em uma pessoa é de aproximadamente 12 dias, este é o período em que uma pessoa infectada demora a apresentar os primeiros sintomas.

Sintomas do Sarampo

Você sabia que o sarampo pode deixar sequelas, como por exemplo, surdez, cegueira ou até mesmo retardo mental, então, caso apareça algum sintoma da doença, procure um médico imediatamente.

  • Manchas avermelhadas na pele, iniciando no rosto e se espalhando até os pés;
  • Febre;
  • Mal estar;
  • Tosse;
  • Otite (infecção de ouvido, inflamando e enchendo-o de líquido);
  • Coriza (inflamação na mucosa nasal, acompanhada de secreção e obstrução nasal);
  • Conjuntivite (infecção da membrana transparente que reveste a parte da frente do globo ocular);
  • Manchas brancas nas partes internas das bochechas;
  • Perda do apetite;
  • Encefalite (inflamação que pode afetar todo o cérebro ou parte dele);
  • Pneumonia.

Tratamento

Por ser uma doença que tem um tempo limitado, o tratamento é feito baseado no alívio dos sintomas, além disso, o portador de sarampo deve também:

  • Comer alimentos leves;
  • Fazer a higiene dos olhos com água morna;
  • Repousar;
  • Ingerir bastante líquido;
  • Utilizar antitérmicos para controlar a febre.

Vacina contra o Sarampo

A vacina é a melhor forma de se prevenir contra sarampo, porém, pessoas que estão com suspeita da doença não devem ser vacinadas, assim como bebês com menos de 6 meses de idade, mulheres gestantes e imunodeprimidos (indivíduos que não apresentam reações imunitárias normais, é uma pessoa que tem o sistema imunológico enfraquecido). No caso de mulheres grávidas, é recomendado tomar a vacina após o parto. Mulheres que estejam querendo engravidar recomenda-se tomar a vacina um mês antes.

O ministério da saúde reforça que os responsáveis devem ter o compromisso de atualizar a caderneta de vacinação dos filhos, principalmente de crianças com idade inferior a 5 anos.

A Vacina contra o sarampo deve ser aplicada em duas doses, uma no 12º mês de vida e a outra entre o 15º e o 24º mês. Adultos que ainda não tiveram a doença também devem ser vacinados, com exceção das mulheres grávidas e dos imunodeprimidos.

Outro fator importante é que não há limite de idade para tomar a segunda dose, portanto, quem deixou de tomar a vacina quando criança pode tomar mais tarde.

Em São Paulo a prefeitura orienta que todas as pessoas entre 15 e 29 anos de idade tomem a vacina, independente de já ter tomado as duas doses quando criança.

Consulte aqui a relação dos postos de saúde no site da prefeitura

Se você possui um convênio médico, pode ir a uma consulta médica e verificar a possibilidade de se vacinar pelo seu convênio.

Em quanto tempo a vacina faz efeito?

A vacina demora em torno de duas semanas para fazer efeito.

Como prevenir do sarampo

Você pode evitar o sarampo tomando medidas simples do dia-a-dia.

  • Acompanhe o programa de vacinação do seu filho, pois a doença pode ser grave, principalmente em pessoas debilitadas;
  • Fique atendo às epidemias de sarampo próximos da sua casa, ou da escola onde seu filho estuda, lembre-se que é uma doença altamente contagiosa;
  • Independente de a criança ter sido vacinada ou não, caso apareça algum sintoma, procure um médico imediatamente;
  • Procure um centro de vacinação e certifique-se de ter tomado a vacina quando criança.

É importante salientar que, a única forma eficaz contra o sarampo é a vacina, apenas as mães que a foram infectadas possuem temporariamente anticorpos transmitidos pela placenta, que podem deixar a criança imune no primeiro ano de vida.

Fatores de risco

O sarampo precisa ser tratado assim que diagnosticado, porque envolve riscos graves a saúde, como por exemplo:

  • Parto prematuro
  • Aborto
  • Surdez
  • Cegueira

 

Mais informações sobre o sarampo

Cerca de 500 mil crianças morrem todos os anos em todo o mundo por causa do sarampo, por isso, a própria OMS (Organização Mundial de Saúde) se esforça para aumentar a cobertura das vacinas.

Outro fator é que, embora o sarampo tenha deixado de ser um problema de saúde pública no Brasil, não deixou de ser uma ameaça, por isso é importante manter as coberturas das vacinas elevadas. É uma doença contagiosa, e, enquanto tiver casos pelo mundo, corremos o risco de importar este vírus.

O Brasil só perde para a Venezuela em número de casos de sarampo nas Américas em 2018.

A vacina contra o sarampo é a tríplice viral, portanto, além do sarampo, a vacina protege também contra rubéola e caxumba. Existe ainda a vacina tetra viral, que protege também contra catapora.

Eder Santos

Especialista em Planos de Saúde

Formado em Marketing Digital
Portabilidade-do-Plano-de-Saúde
o-que-é-gestão-de-pessoas

Gestão de Pessoas

O que é Gestão de Pessoas? Você sabe o que é Gestão de Pessoas? Apesar de não haver consenso, uma definição interessante gestão de pessoas

Leia mais »
Vasectomia

Vasectomia

Vasectomia Vasectomia, é uma cirurgia muito procurada por homens que não pretendem mais ter filhos, ou melhor dizendo, que não pretendem mais engravidar uma mulher.

Leia mais »
ilustração-de-garoto-com-sarampo

Sarampo

Sarampo O Sarampo é provocado pelo vírus Morbilivírus, sendo uma doença infectocontagiosa, ou seja, uma doença provocada por micróbios que pode ser transmitida rapidamente para

Leia mais »

Compartilhe

Compartilhar no email
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook

Observação: O conteúdo deste site é informativo, sempre procure um profissional da saúde para diagnóstico médico, tratamento e consulta. 

Utilizamos cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade?
× Estou online!